11.9.10

Ramadão

O mês mais sagrado do Islão, o do Ramadão, acabou ontem, com a Aid el-Fitr ou "festa da ruptura".
O nono mês do calendário islâmico, o da revelação do Corão, tem início quando se observa a olho nu o aparecimento do quarto crescente da Lua, daí a data não ser a mesma em todos os países e variar de ano para ano. 
Durante o mês do Ramadão os fiéis devem abster-se de beber, comer, fumar ou ter relações sexuais entre o nascer e o pôr-do-sol. Acho que em Portugal ainda deve ser mais difícil, pelo menos este ano, que calhou em Agosto, que o sol nascia cedo e punha-se tarde.
O objectivo do jejum é adquirir piedade e tranquilidade, é um período de reflexão.
O jejum é obrigatório para todos os muçulmanos adultos, com excepção dos idosos, mulheres grávidas, doentes e viajantes. 
O jejum do Ramadão - é um dos "cinco pilares" do Islão, juntamente com a profissão de fé (chahada), a oração (salat), a esmola (zakat) e a peregrinação (hadj) aos lugares santos de Meca e Medina. 
Em Lisboa, existe a mesquita central maior, na Praça de Espanha, e depois outras pequenas mesquitas. Aconselho a visitar, já fui umas duas vezes, acabei por entrevistar o Sheik Munir, e foram todos muito simpáticos. Destaco o espírito de solidariedade.
Lembro-me também quando vivia em Barcelona, e das muitas vezes que passava ao bairro do Raval, espécie de Martim Moniz em melhor, e via os pais irem buscar os miúdos à escola, reparava que os pais muçulmanos ouviam realmente os filhos e davam-lhes muita atenção, enquanto os catalães estavam mais stressados e apressados. Tenho ainda uma amiga que casou com um muçulmano e não, não anda de burka e não é submissa. Por isso só tenho boas referências da comunidade muçulmana no meu quotidiano. Pena que nos média só surjam os actos de uma minúscula minoria fundamentalista terrorista.  E pronto, hoje é 11 de Setembro....

3 comentários:

MAG disse...

É sempre bom ouvir essas coisas e aprender, como em todas as religiões existem pessoas boas e pessoas más e extremistas, exemplo disso temos a queima do corão na América por ignorantes que não sabem distinguir as coisas. Continua assim, estou a adorar o teu blog:) Bjs

krasiva disse...

oh...obrigado...agora comovi. obrigada por passares sempre por aqui ;)

Mafas disse...

é mesmo uma pena que a imagem que guardamos dos países muçulmanos seja má. Este ano, estive em viagem pela Síria e Líbano... no ano passado, estive no Egipto e na Jordânia... e não testemunhei nada daquilo do que se fala. Pelo contrário, nunca estive em país tão seguro,tão hospitaleiro como a Siria. Aconselho vivamente!...