30.9.10

pobre...estou a ficar ainda mais pobre


Acho que tinham de se tomar medidas que as coisas como estão não podiam ficar. Pela primeira vez vi Sócrates realista e não optimista como costuma andar. Concordo com algumas medidas, com outras nem tanto. Um facto é garantido...vamos ficar TODOS MAIS POBRES!

Algumas medidas de contenção da despesa
- Corte progressivo entre 3,5% e os 10% no salário da função pública, abrangendo órgãos de soberania, a partir dos 1500 euros -  Trabalho para função pública mas não sou funcionária pública, ou seja, só tenho as desvantagens, nunca tenho as vantagens. Por uns momentos assustei-me...já estava mesmo a ver vida a andar para trás... depois descansei...ganho menos de 1500€

- Redução das ajudas de custo e horas extraordinárias - Nunca me pagaram horas extras apesar de as fazer.
- Congelamento das progressões na carreira da função pública - pois, temos pena
- Congelamento das pensões em 2011 :(
- Impossibilidade de acumular ordenados na função pública e pensões - Concordo, já peca por tardio
- Redução de 20% no Rendimento Social de Inserção - Isto não concordo, com esta situação as pessoas ainda vão ficar mais pobres e  a precisar de ajuda. Se andam tão desconfiados que vai para quem não quer trabalhar ponham fiscais a tratar do assunto
- Redução das Transferências do Estado para as autarquias - Ui, Câmaras já estão todas falidas agora é que vão ficar mais, é muito grave para o interior, que tem menos fica com ainda com menos
- Redução das indemnizações compensatórias
- Redução de 20% da frota automóvel do Estado - Peca por tardio mas acho bem e ainda podia ser mais

Algumas medidas para aumento da receita
-Redução da despesa fiscal com a fixação de um tecto global, progressivo, para as deduções e benefícios fiscais
- Aumento de dois por cento no IVA que passa para 23% - Esta é que vai doer mesmo, mas mesmo a sério...logo 2%, tudo mas tudo vai ficar mais caro...vamos mesmo perder muito poder de compra
- Revisão das taxas e multas
- Novo imposto sobre o sector financeiro - Concordo completamente, metade da culpa da situação é deles, deviam pagar bem caro... mas não é para imputar depois aos clientes pobres, ok

5 comentários:

JS disse...

Não podia dizer melhor que isto.
Subscrevo tudo o que aqui disseste.

Eu vejo ainda mais a minha vidinha a andar para trás.
Terminei o meu estágio na função pública há uns meses atrás e estou à espera que abra a dita vaga e de assinar contrato. Concurso já fiz. Só falta mesmo uma assinatura...
Enquando isto, ando a trabalhar para aquecer há 6 meses.
Agora com estas medidas, que muitas só pecam por ser tardias, vejo a minha situação a tardar ainda mais.

krasiva disse...

:( é triste...não se avizinham bons tempos.

Carrie disse...

Concordo 100%!
Já estava na hora de se tomarem estas medidas.. são duras mas necessárias e tenho pena que mta gente n veja isso!

kiss kiss

MAG disse...

Concordo plenamente. Ainda bem que o pão que é um bem essencial é taxado a 6%. Acho que me aguento só a pão e água,nem sequer preciso da manteiga. E como a gsolina vai aumentar, acho que vou passar a fazer 25Km a "penantes", já que os transportes também estão caros. Vai-me fazer muito bem à saudinha. Ainda para mais estou a contrato numa empresa pública, acho que para compensarem os ordenados dos efectivos e a baixa de verbas vou ser a primeira a ir para a rua a 1 de Dezembro:( Enfim... Beijocas*

Anuska disse...

Eu só penso... o que vai ser de nós.