26.8.11

Discurso de Steve Jobs...

Não se fala de outra coisa: o Steve Jobs deixou de ser CEO da Apple.

E eu penso: mas para quê tanto alarido? A cotação da empresa a baixar na bolsa, discussões sobre o fim da marca, etc...mas o senhor não é substituível?

Não conhecia bem a figura, só o nome, e depois vi por acaso este vídeo...e então percebi...o senhor tem carisma!


5 comentários:

Agridoce disse...

Por coincidência, na véspera de ele ter anunciado que ia sair da Apple, tinha visto este mesmo vídeo. E acho que explica tudo! Acho que ele não era apenas mais uma peça do puzzle, era muito mais do que isso...

mari disse...

este discurso é qualquer coisa por demais ... adoro!
*

Paulo Vicente disse...

Ser substituível ele é, como toda a gente, mas nos últimos anos ligou-se muito à marca, cultivou a imagem do génio dos negócios que fazia tudo acontecer.

E agora essa imagem acabou, e as acções, que dependem tanto ou mais da percepção e da imagem de uma empresa do que ela realmente faz, sentem o efeito, naturalmente.

É claro que também há a possibilidade do sucessor fazer alguma asneira ou ir estragando as coisas, mas ainda falta tempo para isso acontecer, se acontecer. Por agora a empresa continua a mesma.

O homem colocou-se à frente das câmaras, é lógico que elas apanhem também a saída dele.

Reparei numa coisa nestas noticias, não falam do outro Steve, a Apple foi fundada por eles os dois e continuaram amigos ao longo dos anos, sem a ajuda do Wozniak provavelmente não existia o Jobs que fez aquele discurso, não parece justo esqueçê-lo.

http://en.wikipedia.org/wiki/Steve_Wozniak

MAG disse...

Adorei o discurso :D
Bjs

Mike disse...

Alguns nascem com a estrela. Outros precisam de a tirar, na universidade, na rua, whatever...